Barra de vídeo

Loading...

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Ectomorfo, endomorfo ou mesomorfo: como saber qual seu tipo físico


Cada tipo físico possuí características distintas e isto pode influenciar como o seu corpo responde ao treino e dieta. Saber qual é o seu biotipo é um passo a frente para conseguir resultados mais rápidos.
Você com certeza já notou como cada pessoa tem uma aparência física diferente. Alguns são mais magros, enquanto outros com mais gordura e ainda alguns sortudos que mesmo não frequentando uma academia, são naturalmente atléticos e com mais massa muscular.
Estas diferenças distintas são chamadas somatotipos (ou tipos físicos) e foram criadas a partir do trabalho do fisiologista americano William Herbert Sheldon, que dividiu os tipos em três grupos específicos: ectomorfos (magreza), endomorfos (adiposidade) e mesomorfos (muscularidade).
ectomorfo-endomorfo-e-mesomorfo-tipos-físicos
Nós somos uma mistura dos três tipos, mas sempre existe a predominância de um deles. O seu tipo físico “principal” vai ser sempre o que você mais se identifica.
Isto é extremamente importante para o seu objetivo já que existem aspectos específicos de dieta e treino que pode funcionar melhor para um tipo e pessimamente para outro.
Para descobrir qual é o seu tipo, é preciso entender suas principais características:

Ectomorfos

O típico cara magro que mesmo se esforçando para ingerir mais calorias, não consegue ganhar peso.

Características do ectomorfo

  • Estrutura óssea pequena
  • Peitoral reto
  • Ombros pequenos
  • Metabolismo rápido
  • Dificuldade para ganhar massa muscular

Treino

O principal motivo para ectomorfos não conseguirem resultados é porque, como um todo, eles não conseguem reparar e construir massa muscular como outras pessoas – isto é óbvio.
O problema é que geralmente ectomorfos pensam que precisam treinar mais dias na semana e mais pesado que os outros para “dar um choque” no corpo e obrigar o corpo a crescer.
Péssima ideia.
Submeter uma pessoa que não tem boa capacidade para ganhar massa muscular em um treino frequente e pesado só vai prejudicar a sua (limitada) recuperação muscular.
Isto não quer dizer que ectomorfos não possam ganhar massa muscular, mas sim que precisam treinar pesado sob regras diferentes.
Ectomorfos tendem a gerar mais resultados seguindo treinos com dias de descanso extras durante a semana, com menos volume e foco no uso de exercícios compostos livres que recrutam o maior número de músculos ao mesmo tempo sem necessariamente precisar de mais exercícios.
Treinos como push/pull/legs permitem amplo descanso durante a semana e ainda foca-se em exercícios livres pesados. Até mesmo não ectomorfos podem tirar proveito de treinos assim.

Dieta

Ectomorfos não tendem a ganhar gordura com facilidade, portanto poderão seguir dietas hipercalóricas com mais carboidratos sem medo de acumular gordura.
Na verdade, seguir uma dieta hipercalórica será uma necessidade e somente desta maneira será possível se recuperar dos treinos e gerar crescimento muscular.

Endomorfos

Em termos de ganho de peso, é o oposto do ectomorfo; costumam acumular gordura com facilidade em qualquer deslize na dieta.

Características do endomorfo

  • Dificuldade para conseguir definição
  • Maior acúmulo de gordura
  • Metabolismo lento
  • Dificuldade para controlar a ingestão de calorias

Treino

O treino com pesos para um endomorfo não tem porque ser diferente de qualquer outro tipo. Todos precisam treinar pesado e focando-se em hipertrofia. Quanto mais massa muscular no corpo, mais rápido o metabolismo e mais calorias o corpo queima apenas para manter o tecido muscular extra.
Um endomorfo, mesmo acumulando mais gordura, pode ter facilidade ou dificuldade para ganhar massa muscular. O ideal é começar com treinos de baixa frequência e volume, assim como ectomorfos, aumentando gradualmente ambos conforme progresso seja feito.
Aeróbicos também serão seus melhores amigos que já que podem acelerar o metabolismo ainda mais.

Dieta

Endormofos não tem muita margem de erro na alimentação e não poderão cometer vários deslizes sem que haja consequências em termos de ganho de gordura. Isto é algo que o endormofo tem que se acostumar, independente de como sejam os hábitos alimentares de quem esteja à sua volta.
Descubra qual é a sua necessidade calórica para o seu objetivo e monitore de perto a sua alimentação. Endormorfos não podem seguir dietas “no instinto”, isto nunca funciona e eles sempre vão comer mais do que precisam.

Mesomorfos

Os mesomorfos possuem estrutura óssea grande, mais massa muscular, aparência naturalmente atlética e tiveram uma baita sorte de ter os pais geneticamente corretos.

Características do mesomorfo

  • Atlético
  • Mais massa muscular
  • Pouca gordura
  • Ombros largos
  • Peitoral largo

Treino

Um mesomorfo possui estrutura propícia para suportar treinos com mais volume e frequência. Não precisam temer tanto o overtraining e podem fazer uso de mais técnicas avançadas.
Mas mesomorfos não são invencíveis.
Lendo as características é fácil imaginar que tudo são flores para os mesomorfos, mas um treino excessivo e mal elaborado pode colocar tudo a perder, independente de qual seja o seu tipo físico.

Dieta

Mesomorfos poderão ingerir mais calorias que o necessário sem se preocupar tanto com ganho indesejado de gordura já que o corpo consegue otimizar a distribuição de nutrientes. Mas assim como o treino, isto não é um sinal verde para fazer qualquer coisa.
Um mesomorfo pode ter toda as qualidades necessárias para conseguir ganhar massa muscular rápido, mas ainda pode acabar com uma bela barriga por seguir os conceitos de dieta incorretos.

Palavras finais

Conhecer o seu tipo físico pode ser uma das maneiras mais simples para alavancar os seus resultados na academia, a única coisa que pode sair errado aqui é se você usar esta classificação como uma muleta.
Por exemplo, se você sempre cultivou péssimos hábitos alimentares e está cada vez com mais peso, isto não é ser um endomorfo, mas sim fazer as escolhas erradas e não se importar com a própria saúde. Não adianta falar que a sua situação atual (e cada vez pior) é culpa do seu tipo físico.
O mesmo vale para caras magros que comem pouco, pulam refeições e ainda querem ser maratonistas. A “magreza” aqui também não é culpa do tipo físico.
Independente de qual seja o seu tipo físico, é possível ganhar massa muscular ou perder gordura de forma expressiva. É tudo uma questão de respeitar suas limitações, mas ainda sim focar-se seriamente no seu objetivo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário